foto: Foto: Divulgação/PFA Polícia Federal (PF) fechou uma fábrica de dinheiro em Uberlândia (MG), na manhã desta sexta-feira (12). Cinco pessoas foram presas e os agentes e delegados apreenderam uma impressora e várias notas de R$ 50 que estavam sendo produzidas em uma gráfica na cidade.
 A PF informou que as notas eram levadas para outros estados e tinha qualidade de impressão considerada de alta qualidade. Para produzir as notas, a quadrilha usava fotolitos e matrizes gráficas para aumentar a fidelidade de impressão.
 
A investigação começou em 2009, quando foi identificada uma grande quantidade de notas falsas no comércio mineiro. Ainda de acordo com a PF, o responsável pela falsificação repassava para intermediários as notas falsas, que eram comercializadas ilegalmente em São Paulo, Minas Gerais e Goiás.
iBahia