O candidato a soldado da Polícia Militar Leandro de Oliveira Queiroz, de 26 anos, morreu na manhã desta quarta-feira (10) enquanto realizava um teste de aptidão física (TAF), na Vila Policial do Bonfim. Ele teve uma parada cardíaca durante a prova da corrida de 2.400 metros e morreu às 11h50 no Hospital Geral da Polícia Militar.

Leandro chegou a ser atendido por uma equipe da PM composta por um oficial médico e dois enfermeiros, que acompanhavam a prova. Em seguida, ele foi socorrido por uma viatura do Salvar. A equipe médica tentou o procedimento de ressucitação externa, utilizando um massageador externo e um desfibrilador, mas não conseguiu reanimá-lo.

Segundo o Departamento de Comunicação da Polícia Militar, antes da realização da prova física, Leandro havia apresentado atestado comprovando aptidão para realizar atividades de esforço físico. Outros 100 candidatos participaram da corrida e concluíram o teste. 

Correio